Câmara de Vereadores de Tucano exige comprovante de vacina da Covid para público, servidores e vereadores

Presidente da Câmara Municipal de Tucano, vereador Jorge Seixas (PSD). Foto: Secom-Tucano/BA

O Presidente da Câmara de Vereadores de Tucano, vereador Jorge Seixas estabeleceu medidas de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus. O Gestor publicou uma portaria onde determina a obrigatoriedade da comprovação das duas doses de vacina ou dose única, quando for o caso, mediante apresentação do documento de vacinação (físico ou digital, através do app Conectsus), para acessar as dependências internas da Câmara Municipal de Tucano.

A medida entrou em vigor essa semana e começou a valer segunda-feira (10), para todos os vereadores, assessores, servidores e prestadores de serviços, todos deverão apresentar o referido comprovante para ter acesso às instalações da Casa Legislativa. Ainda segunda a Câmara a apresentação do referido comprovante de vacinação somente será exigido uma única vez e será cadastrado internamente para consultas posteriores.

O ingresso do público em geral, também, será precedido de apresentação de comprovante de vacinação, toda vez que for necessário acessar as dependências da Câmara de Vereadores.

Todos que tiverem acesso liberado deverão, ainda, seguir rigorosamente os demais protocolos de segurança contra a disseminação da COVID 19 editados pela Prefeitura Municipal de Tucano, tais como uso de máscara, distanciamento entre as pessoas, higienização das mãos constantemente, dentre outras.

Ainda segundo o documento o objetivo é preservar a vida e a saúde de todos aqueles envolvidos nas tarefas do legislativo, bem como daqueles que são visitantes.

Ao site www.fiquepordentroagora.com.br o Presidente Jorge Seixas confirmou que a reabertura dos trabalhos do poder Legislativo neste ano começará após o dia 15 de fevereiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui